Blog-Cover

“Quanto mais gente lendo, melhor” – Uma Entrevista com Mariana Mello Sgambato

By on June 11, 2014 . Category Em Português

Mariana Mello Sgambato é Assessora Editorial, tem 32 anos e mora em Santa de Parnaíba, interior de São Paulo. Na última semana seu ebook  ”Clube das Desapaixonadas” foi escolhido como o Ebook da Semana em Português pela equipe do Widbook. Saiba mais sobre a produção desse ebook e conheça as principais dicas da Mariana.

Parabéns pelo seu ebook “Clube das Desapaixonadas”. A história é muito divertida e bem contada. No que você se inspirou e quanto tempo demorou pra escrever?

Obrigada! Fico muito honrada quando alguém diz que gostou de ler algo que escrevi.
Para o Clube das Desapaixonadas, inspirei-me na famigerada guerra entre os sexos. Escrevi com vontade de fazer uma resposta feminina a tudo isso, realizando uma reflexão sobre a liberdade sexual, o quanto ela realmente existe e o quanto nós, mulheres, não impomos resistência devido aos valores que a sociedade joga sobre nossos ombros.
Escrevo relativamente rápido e não consigo escrever uma coisa só, essa história começou em novembro, terminou em dezembro, levei cerca de 60 dias escrevendo. Depois desse período, veio a revisão de conteúdo e a versão final publicada no Widbook levou até maio para ficar pronta.

Por que você decidiu publicá-lo no Widbook?

Gosto que as pessoas leiam minhas histórias, na verdade, quanto mais gente lendo, melhor! O Widbook me pareceu o local ideal. Eu já a publicava antes em outra rede de escritores, mas o site foi indicado por uma amiga e reconheci que já tinha feito cadastro nele… Resolvi dar a chance e notei que a plataforma é ótima, além de se aprimorar a cada dia, trazendo novos recursos. Espero que muitas pessoas adotem a plataforma, cada vez mais e que a comunidade se torne forte aqui no Brasil.

Já escreveu outros livros? Quais são seus planos futuros?

Eu tenho dois livros publicados pela Modo Editora: “Beijos & Batom” (2012), um romance juvenil ousado e “Lembre-se de Morrer” (2014), um romance sobrenatural YA. Atualmente trabalho no “Apaixonada pelo Garoto Nerd” (2014), um lançamento independente totalmente publicado online durante o NaNoWriMo e que teve muitos pedidos de impressão por parte das leitoras esse reconhecimento é o melhor de todos. Meus planos futuros envolvem publicar mais coisas no Widbook, fazer o lançamento da série Clube das Desapaixonadas também em impresso e escrever outras histórias.

Blog-Writer

Qual o horário que você mais gosta de escrever?

Não tenho um horário fixo para escrever, mas dedico no mínimo duas horas por dia para isso, procuro organizar o meu tempo para que isso funcione diariamente. Escrevo muito no celular enquanto estou no trânsito de São Paulo; sou daquelas pessoas que vai andando com o nariz pregado no smartphone fazendo anotações. Posso ter ideias onde estiver, anoto-as e depois as trabalho com calma. Fora isso, dedico a tarde de domingo especialmente para escrever, planejar e criar uma história.

Qual a principal dica que você pode deixar para outros escritores?

Aprendi de um jeito duro que nem sempre o que a gente escreve é o que o leitor quer ler. É importante pensar o que queremos da nossa escrita e até onde queremos alcançar, nem que isso signifique dar um passo para trás e reavaliar tudo o que você tem escrito. Plataformas como a Widbook são necessárias, reúnem aqueles que querem ler e aqueles que querem escrever, sejam profissionais ou não, e acabam dando a chance para um escritor se destacar.
O que posso deixar de mais valioso para escritores que aspirem reconhecimento é: estudar muito, se profissionalizar como autor e tratar a escrita como um trabalho que te dá prazer. Dessa forma, não importa onde você escreva, em uma plataforma online ou publicação convencional: as pessoas vão ler você.

Tags

See Also

Miriam Leitão lança livro infantil na FNLIJ e fala com o Widbook

Read More       →