Blog-Cover-Today

Procura uma editora? Veja por onde começar

By on November 17, 2014 . Category Em Português

Semana passada falamos sobre os novos gêneros literários. Esta semana vamos falar de como achar uma editora.

Se você, como eu, pesquisou no Google por editora e achou uma lista de editoras – e claro, entrou em quase todos os sites -, descobriu que muitas são editoras por demanda, outras ditas como tradicionais e outras que ainda não tem uma nomenclatura. Estas estão em inicio de vida.

 

O que é uma editora por demanda?

Você paga para ter seu livro publicado. Eles te dão capa, revisão, diagramação e cerca de 100 livros (isso varia de editora para editora). O valor a ser pago varia de 2 mil a 14 mil reais. Geralmente eles não avaliam seu livro, somente seu bolso!

Também não fazem a venda do seu livro, não colocam em livrarias, normalmente fazem a venda direta no próprio site, ou seja, o método de divulgação é todo por conta do autor.

 

O que é uma editora tradicional?

Você envia seu livro para avaliação e, caso decidam por publicar, não cobram nada do autor. Uma resposta geralmente demora de 30 a 90 dias.  Colocam seu livro à venda em diversas livrarias e parceiros e fazem a divulgação, pois é do interesse da editora vender e reaver todo o investimento no livro.

Contudo, nestas editoras sua obra pode demorar de 1 a 3 anos para ser publicada.

 

Editoras em inicio de carreira.

São as novas editoras ainda bebês no mercado literário. Estão nascendo da falta de editoras em publicações nacionais. Geralmente não cobram nada do autor, ou cobram parte do trabalho, como capa ou revisão.

A parte boa dessas editoras menores é que o processo de diagramação e escolha de capa tem total decisão do autor e a publicação acaba saindo em menos de seis meses do recebimento do livro revisado.

Estas editoras estão entrando nas livrarias, mas bem devagar, e seus métodos de divulgação são as mídias sociais, por terem pouco ou quase nenhum dinheiro para investir em marketing de larga escala.

Uma grande dica é: Nunca mandem seu livro completo ou sem estar em vias de registro na Biblioteca Nacional ou em outro órgão internacional como a Avctoris. Essa é uma forma de garantir que o seu livro não será publicado sem um contrato.

Se você usa pseudônimo lembre-se que o contrato de publicação deve conter seu nome, que será mantido em sigilo, e somente você poderá revelar. Caso vaze pela editora, esta terá que pagar uma multa.

Antes de mandar seu livro para qualquer editora, peça que um amigo de confiança faça uma revisão gramatical, ortográfica e de continuidade de cenas da obra, ou seja, assegure-se de que você não deixou partes do texto sem conclusão. Em caso de séries, é necessária uma avaliação para que se tenha certeza de que esteja deixando um bom gancho para o próximo livro, garantindo a curiosidade do leitor para a continuação.

E antes de mais nada, verifique junto à receita federal se a editora a qual vai enviar seu livro tem CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica), pois ser cadastrado na CBL (Câmera Brasileira do Livro), não é obrigatório, mas na receita federal é para se ter uma empresa.

A Editora Novo Romance é uma editora bebê e, como tal, esta engatinhando, cometendo acertos e erros, mas o nosso maior diferencial é usamos os conceitos de um editora tradicional na qual não cobra nada do autor, porém dá a ele as vantagens de poder opinar em todos os aspectos do seu livro.

 

Por Cristiane Spezzaferro Komel.

Cris tem 32 anos, é casada e tem 2 filhos. Aspirante a escritora, se formou em direito. É sócia na Editora Novo Romance. Aqui no Widbook, Cris escreve sua coluna semanal onde divide sua experiência como dona de editora e oferece dicas do mercado editorial. Siga a Cris e seus livros no Widbook.

  • http://descemaisuma.blogspot.com/ Rafael Castellar Das Neves

    Olá Cristiane!!

    Muito bom este seu post. É exatamente o que tem acontecido. A cada pesquisa que me meto atrás de editoras (e oportunidades de publicação), encontro mais e mais destas editoras da primeira opção, às quais costumo chamar de “gráficas de elites”. Já me meti com uma dessas e o resultado foi muito, muito ruim… Não recomendo… Por outro lado, é muito dificil embarcar nas da segunda opção.

    Gostei de saber deste conceito de editoras bebês, não o conhecia e acho que pode ser uma oportunidade para meus novos trabalhos, afinal, os atuais já estão livres pela rede.

    Obrigado por compartilhar!

    Abraço…

    • Cristiane Spezzaferro

      Obrigada vc lindo, realmente entrar numa editora de nome no mercado e mais dificil! O idela e pesquisar essas editoras bebes!!!!!!

  • rrm32

    Cristiane obrigado por citar o Avctoris no seu post, vou deixar o link pro pessoal, tudo bem?

    https://avctoris.com/registre-seus-livros-aqui/

See Also

Marathoning vs. Sprinting: What's Your Writing Style?

Read More       →